Cardápio vegetariano | pangudownloads.com
Esporte e saúde

Cardápio vegetariano

Comida vegetariana satura o corpo com vitaminas e minerais, enquanto o cardápio vegetal permite reduzir significativamente a ingestão de colesterol prejudicial e reduzir a ingestão excessiva de calorias. De um ponto de vista médico, os vegetarianos estão sempre em uma dieta que promove a digestão saudável e evita a acumulação de toxinas e oxidação no sangue causadas por produtos de carne. O vegetarianismo ajuda a resolver muitos problemas de saúde, incluindo o excesso de peso.

Como perder peso em alimentos vegetais

A dieta vegetariana para perda de peso provoca queima natural, gordura e renovação do organismo em todos os níveis – limpeza do sangue, melhora dos órgãos digestivos, dando o tom muscular e flexibilidade. Com uma abordagem competente, essa dieta ajuda a perder de dois a quatro quilos por semana.

Para alcançar o máximo de resultados, você precisa conhecer e seguir os princípios básicos de tal nutrição:

Cardápio vegetariano
  • completa rejeição de carne, mantendo produtos lácteos e ovos na dieta;
  • A exclusão do açúcar, substituindo-o por fruta doce e mel;
  • Beber abundante – pelo menos 2 litros de líquido por dia;
  • jejum parcial (reduzindo porções ou 1 dia de fome por semana).

Se o menu vegetariano é introduzido por um curto período de tempo – 3-4 semanas – então você pode se sentar em uma dieta de uma só vez.

No entanto, no caso de uma transição completa para os alimentos vegetais, os médicos recomendam uma rejeição gradual da carne. Isso se deve não apenas a uma troca especial de substâncias por comedores de carne, que corre o risco de ser violada, mas também pelo hábito de comer. O fato é que a comida de carne dá um peso característico no estômago, que estamos acostumados a considerar como saciedade.

A dieta vegetal a princípio pode ser carregada com uma sensação ansiosa de fome, que na verdade é uma sensação incomum de facilidade depois de comer.

Menu vegetariano – perder peso em uma semana

Para o cálculo correto de porções e calorias, você deve fazer um menu vegetariano pessoal por uma semana e adquirir balanças eletrônicas simples. As regras para preparar alimentos dietéticos também requerem atenção: os alimentos fritos são excluídos, muito salgados, não é aconselhável usar aditivos de sabor e vinagre (é melhor substituí-lo por suco de limão).

O menu aproximado para os dias da semana é assim.

Segunda-feira

Cardápio vegetariano
  • café da manhã: 1 ovo cozido, queijo Adyghe (100 g), pão (50 g);
  • almoço: mingau de trigo sarraceno (300 g), salada de legumes (150 g);
  • Lanche da tarde: fruta doce (300 g);
  • jantar: legumes cozidos – cenoura, batata, berinjela (300 g) com óleo vegetal (3 colheres de chá), uma fatia de queijo (50 g);

Terça

  • café da manhã: frutas e bagas frescas azedas e doces (300 g), queijo cottage (75 g);
  • batatas almoço, cozidas com cogumelos e cebolas (300 g), óleo vegetal (3 colheres de chá), hortaliças com aipo, pão (50 g);
  • lanche da tarde: geleia de frutas (200 g), biscoito de biscoito (50 g);
  • jantar: mingau de leite com arroz (200 g).

Quarta-feira

  • café da manhã: salada quente de legumes frescos e assados ​​(200 g) com óleo vegetal (2 colheres de chá), suco de limão, 1/2 ovo cozido;
  • almoço: sopa vegetariana com tomate (400 g), pão (50 g);
  • lanche da tarde: mistura de nozes (50 g);
  • jantar: queijo cottage (75 g) e kefir (1 copo).

Quinta-feira

  • café da manhã: iogurte desnatado (200 g) e fruta doce (150 g);
  • almoço: sopa com aveia e manteiga derretida (300 g / 20 g), salada de legumes frescos ou em conserva (150 g), pão (50 g);
  • Lanche da tarde: 1 xícara de kefir com mel;
  • Jantar: mingau de trigo sarraceno (150 g) sem óleo, passas cozidas no vapor (20 g);

Sexta-feira

Cardápio vegetariano

  • café da manhã: salada de legumes com feijão, óleo vegetal (3 colheres de chá), ½ ovo cozido.
  • almoço: arroz com legumes e manteiga derretida (300 g), pão (50 g), nozes (20 g);
  • Lanche da tarde: fruta doce com iogurte ou ryazhenka (200 g / 100 g);
  • Jantar: Vinagrete (200 g) com óleo vegetal (2 colheres de chá).

Sabado

  • café da manhã: frutas e bagas azedas (100 g), queijo cottage (75 g);
  • almoço: pimenta recheada com legumes com manteiga derretida (300 g / 20 g), pão (50 g);
  • lanche da tarde: mistura de nozes com mel (50 g);
  • jantar: enfeite de legumes cozidos com especiarias de curry (300 g) e óleo vegetal (3 colheres de chá).

Domingo

  • café da manhã: 1 ovo cozido, queijo Adyghe (100 g), salada de legumes e verduras (150 g), óleo vegetal (2 colheres de chá);
  • almoço: sopa de beterraba vegetariana (400 g), pão (50 g);
  • Lanche da tarde: fruta doce (200 g);
  • jantar: purê de batatas com a adição de leite sem óleo (150 g).

Como sobreviver a uma dieta vegetariana no inverno

Cardápio vegetariano

Na estação fria, o corpo requer energia adicional para manter o equilíbrio térmico e a imunidade em boas condições. Uma dieta vegetariana requer uma dieta cuidadosa que pode compensar a perda de gorduras e proteínas animais. Para ajudar a trazer produtos com alto teor de proteína vegetal, gorduras e ovos.

Ativamente usando uma variedade de óleos vegetais (girassol, gergelim, nozes, milho), deve ser com moderação para adicionar menu de dieta vegetariana manteiga derretida e nozes (amêndoas, madeira, castanha de caju), rica em gorduras poliinsaturadas.

Uma porção diária de queijo cottage (50-75 g) irá enriquecer o corpo com a proteína necessária. O consumo razoável de ovos ajudará a manter o nível de energia do organismo (não mais que 3 ovos de galinha por semana). Uma pequena quantidade de pão, baseada em uma dieta vegetariana para perda de peso, deve ser consumida à tarde – isso contribui para uma melhor digestão da farinha.

A ceia deve consistir principalmente de laticínios ou vegetais, enquanto todos os tipos de mingaus são bons para o café da manhã e o almoço.

Aliviar o excesso de peso ajudará pequenas porções. Para obter o máximo de substâncias úteis de um pequeno número de produtos, você deve evitar alimentos triturados e esmagados.

Este método de preparação torna mais fácil para o estômago, mas ao mesmo tempo preciosas vitaminas e aminoácidos são perdidos. O mesmo se aplica ao alimento digerido.

Previous PostNext Post

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply

79 + = 84

Adblock
detector